Translate (tradução)

terça-feira, março 06, 2007

OUTROS TEMPOS VII


“Sul-africano um dia pagará”. Cantamos na infância este refrão. Naqueles tempos da OPA era questão de orgulho cantar… Hoje crescidos esperamos que a canção se torne acção. É possível?

-Quem passa a factura (pelas agressões da África do sul racista a Angola)?

Na foto: Nelson Mandela. Primeiro presidente negro da África do Sul

Soberano Canhanga

6 comentários:

Escorpiana Explosiva disse...

Bem lebrado meu amigo mais será que tem pessoas que se lembre desse Homem.

Porque tem pessoas que nego não é gente conheço muitas pessoas que pensam assim mais vejo que a mente delas ainda não se desenvoveram.

Um abraço.

Yosef Un Clandestino disse...

LA RAZAS, LAS RAICES, LA TIERRA QUE ES LA MISMA PARA TODO LOS QUE EN ELLA HABITAMOS Y DE TRANSITO...
COMO NOS OLVIDAMOS QUE TODOS SOMOS HERMANOS SEA DEL CREDO O RAZA QUE SEA...
UN GRAN ABRAZO MI AMIGO....
gracias pro tu visita en el camino de mis sueños...
Clandestino..

ANA MATHAYA disse...

...pode não haver nada a ser pago, nem facturas a emitir, vejo a meio do túnel uma luz, chamada recomeço, um recomeço solução, onde a linguagem deve ser diferente, uma linguagem de ganhos para os visonários, um recomeço lição, onde o Grand Madiba (o da foto) é a matéria, ahh se outros líderes seguissem seu exemplo de democricia. Por falar em democracia, será que nos cabe o modelo ocidental de democracia, se sim, porque nossos líderes eternizam o poder? fico por aqui, a reflexão sobre africa e democracia se calhar merece outro post, outra pergunta. Mathaya

Olho Atento disse...

Sim Ana. Merece outra pergunta. No mês do continente.
Há muito ainda por de debicar sobre o assunto...África Repúblicas ou potentados?

Ndombele Freddy disse...

Este slogan refere-se a uma época em que o Africano era oprimido no seu próprio continente e todos cantávamos com fervor, expressando o nosso descontentamento do regime do Apartheid.

Mas, este regime não registiu ao poder Africano e teve que ceder e entregar o poder político aos "donos da terra".

50% da vitória foi alcançada e agora falta alcançar os outros 50% que é o poder económico.

Step by step we are getting there...but now , the Africans we must be united, this is the secret of our success.

Freddy

Elisa (Italia) disse...

Bellisima la página y llega muy hondo. Hermanando fronteras por un mundo mejor.
Abrazos y besos
Elisa